Textos

 
LIÇÃO DE MESTRE
                                               Lucarocas
         Não há aprendizado sem ensinamento.
O mundo ensina, a vida ensina, o homem aprende.
Mas a lição maior está no mestre que se preparou com o mundo para ensinar as lições para a vida.
         Quando o mundo mostra o caminho, o mestre pega na mão do aprendiz e o conduz à vida.
Quando o mundo escurece, o mestre acende a luz e clareia a trajetória.
Quando o mundo se enfurece o mestre, pacientemente, leva o aprendiz a uma reflexão sobre a paz.
Quando o mundo confirma uma dura realidade, o mestre ensina que é possível sonhar.
Quando o mundo nega todas as possibilidades do sonhar, o mestre acende a chama da esperança.
Quando o mundo indica que tudo está perdido, o mestre mostra que é o momento de renascer.
Quando o mundo prega a prática do ódio, o mestre revisa a lição do amor.
Quando o mundo faz o aprendiz adormecer por cansaço, o mestre baixa a voz para não acordá-lo.
Quando o mundo afirma que o homem está pronto, o mestre confirma que está na hora de se começar a aprender.
Quando o mundo pede o fim de carreira do mestre, o mestre, conscientemente, sabe que está na hora de praticar tudo o que aprendeu durante o tempo que achava que ensinava.
Assim, com essas pequenas lições de mestre, é que chegaremos à grandeza dos homens.
PS.: Infelizmente as políticas e os políticos estão matando    a grandeza de ser mestre.

                           

******************************************

                  PÁSSARO SOLTO, PÁSSARO MORTO



                                                                 Lucarocas

            A beleza lhe era peculiar, assim como a inteligência.

            Amigas só da escola. Outras, não dou notícia.

           Filha única, mundo único. Quatorze anos de feliz vigilância paterna. Liberdade vigiada, acompanhada sempre que saía, pai e mãe em dedicação total.

Filhos dão trabalho. Um único filho é melhor criar. Assim deu-se assim ficou, assim foi-se.

Querida, pacífica, amada. Suas idéias eram de paz, patriotismo e valorização humana. Tinha horror à guerra, horror à fome. Sofria com o sofrimento alheio. Detestava violência, queria liberdade.

-          Mãe quero sair só, ir à escola! Dizia.

Nada, companhia de pai e mãe para dar segurança.

-          Mas, mãe!

-          Só depois, um dia desses! Promessas.

No quarto, liberdade nos livros, computador, sonhos.

Ser veterinária grande sonho: animais, natureza, liberdade.

-          Hoje você vai encontrar comigo, voltamos juntas do trabalho. Prometeu a mãe.

Alegria, sorriso, vôo...

Hora marcada, hora seguida. Três quadras, uma estação do metrô. Cinco minutos de uma estação à outra, encontro com a mãe, alegria da volta.

            Passos livres na escadaria.

            Correria.

Assalto.

Bala perdida

Bala encontrada, no peito.

No chão, pássaro solto, pássaro morto, pássaro livre.





MULHER, LUZ DE VIDA Lucarocas



      A luz que brilha nos olhos de uma mulher traz sempre um lume de vida.
      Se em uma mulher há tristeza, o brilho do seu olhar transmite um lume de esperança. Se há dor, o brilho é de fé, se há alegria, o brilho é de júbilo.
      Se há desarmonia, no fundo do olhar de uma mulher encontra-se a paz.
      No brilho do olhar de uma mulher encontramos sempre um ponto de oração e um brilho de Deus.
        Nos olhos de uma mulher encontramos a doçura da maternidade, do companheirismo e do amor.
        É no olhar de uma mulher encontramos a sua força de luta, e a chama da vontade de vencer, de fazer um mundo ainda melhor.
        Hoje, quando o mundo é enegrecido pelas mazelas da vida, desejamos que todas as mulheres tragam em seus olhares um brilho de esperança, um lume de fé um jubiloso fulgor e um imenso clarão de paz para que a vida seja sempre uma benção sob os domínios de Deus.
      Pois, só quando essa luminosidade feminina contagiar toda a humanidade, é que seremos verdadeiramente felizes.
     Que a luz divina ilumine todas as mulheres neste dia e sempre.