13/01/2013


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
APONTANDO CAMINHOS

                        Lucarocas

 
Caminhos só são estradas
Quando se tem direção
E quando se faz paradas
Se busca a reflexão
E no silêncio e na calma
Se vai burilar a alma
Para a paz da oração.

As estradas são caminhos
Quando todos passos seus
Pisam também os espinhos
Em busca dos apogeus
E nas paradas da vida
O coração dá guarida
Para as mensagens de Deus.
 
Tanto caminho ou estrada
Nos apontam uma verdade
Que um dia há uma parada
Na nossa felicidade
E com os deveres cumpridos
Seremos bem acolhidos
No reino da eternidade.

Mas quem colherá mais paz
No correr desses caminhos
São os que do amor faz
Dar beleza aos espinhos
E que em sua trajetória
Pra si não trouxe vanglória
Com pensamentos mesquinhos.

Colherá a paz eterna
Quem agiu com humildade
E que na vida moderna
Nunca fez hostilidade
E que com o seu coração
Acolheu sempre o irmão
Com atos de caridade.
 
Assim caminho e estrada
Têm sempre o mesmo valor
Quando houver uma parada
Seja em que instante for
Toda alma estará pronta
Para Deus em sua conta
Acolher com todo amor.

 
Fortaleza, 12 de janeiro de 2013 – 10:51h